BYD lança carro elétrico mais barato do Brasil

Dolphin Mini sera comercializado por R$ 115.800 no país confira a ficha técnica do veículo
Imagem: Divulgação
Compartilhe:
Fim da Publicidade

Dolphin Mini será comercializado por R$ 115.800,00 no país; confira a ficha técnica do veículo

A BYD anunciou oficialmente o preço de venda sugerido do Dolphin Mini: R$ 115.800,00. Foi especulado que o modelo poderia ser comercializado com valores abaixo de R$ 100 mil, mas a entrada em vigor do imposto de importação sobre veículos elétricos, iniciada em janeiro no Brasil, pode ter atrapalhado a iniciativa. Ainda assim, o lançamento se tornou o carro elétrico mais barato do país.

O Dolphin Mini está em pré-venda desde o último domingo (25/02) com R$ 10 mil de desconto e incluindo gratuitamente um carregador elétrico wallbox de R$ 7 mil. Conforme a montadora, mais de 6 mil reservas já foram realizadas até a manhã desta quarta-feira (28/02). Também foi informado que os produtos já se encontram no Brasil e a entrega aos clientes será imediata.

Além do preço mais acessível, a BYD destacou as vantagens de um carro elétrico sobre um veículo a combustão em relação a combustível e manutenção. A fabricante estimou que o Dolphin Mini tem custo de R$ 0,10 por quilometro rodado, totalizando R$ 2 mil reais em energia elétrica por ano, considerando uma média nacional de 20 mil quilômetros.

Isso resultaria em uma economia anual de R$ 6 mil com combustível. O valor pode ser ainda menor caso o proprietário conte com um sistema de energia solar fotovoltaica em sua residência.

Em relação a manutenção, a redução de gastos seria de mais de R$ 900 por ano. Por fim, diversas cidades brasileiras oferecem descontos e isenções de IPVA para veículos elétricos.

BYD-Dolphin-Mini-Seagull-tera-nome-exclusivo-no-Brasil
Imagem: Divugação

Características técnicas

O BYD Dolphin Mini oferece um motor elétrico com potência de 75 cv com torque máximo de 135 Nm. O modelo acelera de 0 a 100 km/h em 14,9 segundos e pode chegar à velocidade máxima de 130 km/h. Possui raio de giro 4,95m e peso de 1.239 kg em ordem de marcha (peso bruto total de 1.568 kg).

O carro possui autonomia de 280 quilômetros, segundo dados divulgados pelo PBEV, do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO). O veículo pode ser carregado em qualquer tomada comum de 127 ou 220V. O BYD Dolphin Mini pode ser recarregado de 30% a 80% em menos de 30 minutos.

FIM PUBLICIDADE

O modelo traz a função de agendamento e pré-programação para carregar a bateria Blade BYD (LFP) de 38 kWh. A plataforma 3.0 é responsável por integrar o sistema de alta tensão e a bateria com o chassi do carro.

O BYD Dolphin Mini traz a multimídia ICS (Intelligent Cockpit System) com tela flutuante de 10,1″ e rotação elétrica. Há modo de tela dividida (função GPS/Spotify), além de conexão 4G e armazenamento em nuvens disponíveis no ICS.

 O modelo conta com carregamento por indução para smartphone, além de portas USB-A, USB-C e tomada 12V. Já o painel de instrumentos LCD de 7” oferece diversas informações do veículo ao motorista. Além de direção elétrica, o volante permite ajuste manual de altura e profundidade.

O carro elétrico da BYD tem porta-malas de 230 litros e pode armazenar até 930 litros com os bancos traseiros rebatidos. Conta ainda com espaço adicional de 18 compartimentos distribuídos pelo interior do habitáculo para itens de pequeno volume. O porta-malas conta um kit de reparo de pneus, para consertos emergenciais.

BYD Dolphin Mini

Potência:75 cv
Capacidade da bateria: 38 kWh
Autonomia:280 km (PBEV)
Aceleração de 0 a 100 km/h: 14,9 segundos
Velocidade máxima: 130 km/h
Preço de lançamento: R$ 115.800,00

Líder mundial

A BYD tornou-se a maior fabricante de eletrificados do mundo em 2023, superando a Tesla em vendas de veículos elétricos a bateria (BEVs). A marca comercializou mais de 942 mil unidades no quarto trimestre e um total de 3 milhões no ano.

A companhia está presenta no Brasil desde 2013, onde conta com fábricas de montagem de chassis de ônibus 100% elétricos e de produção de módulos fotovoltaicos, ambas em Campinas (SP). Tem também no Polo Industrial de Manaus (AM), uma unidade dedicada à produção de baterias de fosfato de ferro-lítio.

No ano passado deu início ao projeto para a construção do Complexo de Camaçari, na Bahia, onde vai instalar a primeira fábrica de carros fora da Ásia. A companhia ainda é responsável por um projeto de SkyRail (monotrilho) na cidade de São Paulo (SP) (Linha 17 – Ouro do metrô).


Energia Solar sem Custos e Obras

Quer começar a
economizar agora?

Insira seus dados abaixo que a nossa equipe entra em contato e cuida do restante.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Área de comentários

Seus comentários são moderados para serem aprovados ou não!
Alguns termos não são aceitos: Palavras de baixo calão, ofensas de qualquer natureza e proselitismo político.

Os comentários e atividades são vistos por MILHÕES DE PESSOAS, então aproveite esta janela de oportunidades e faça sua contribuição de forma construtiva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ASSINE NOSSO INFORMATIVO

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo em seu e-mail, todas as semanas.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

Comunidade Energia Limpa Whatsapp.

Participe da nossa comunidade sustentável de energia limpa. E receba na palma da mão as notícias do mercado solar e também nossas soluções energéticas para economizar na conta de luz. ⚡☀

ASSINE NOSSO INFORMATIVO

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo em seu e-mail, todas as semanas.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

RSS
Facebook
Instagram
YouTube