Consumo instantâneo reduz impacto tarifário da Lei 14.300 na Energia Solar

Compartilhe:
Fim da Publicidade

Compreenda as vantagens do sistema de energia solar bem dimensionado para a demanda real do consumidor

Sistemas de energia solar fotovoltaica conectados a rede após 7 de janeiro de 2023 passaram a ser sujeitos às novas regras de compensação de créditos, conforme estabelecido pela Lei 14.300, que institui o Marco Legal da Geração Distribuída. Embora essa mudança tenha trazido uma pequena redução percentual na média de economia mensal, o investimento segue extremamente vantajoso para o consumidor brasileiro.

Existe ainda uma forma de minimizar os impactos das novas regras tarifárias: fazer uso do fator de simultaneidade. A Lei 14.300 estabelece que um percentual será descontado nos créditos de energia compensados junto a distribuidora.

Isso significa que o consumidor deixará de abater o crédito de forma integral na conta de luz, com parte dele sendo utilizado para remunerar o serviço de distribuição. Porém, isso não se aplica a energia que é gerada e consumida simultaneamente, sem necessidade de ser injetada na rede elétrica.

Veja também:

Exemplo: um imóvel onde o pico de consumo ocorre durante o dia, fará uso da energia produzida pelo próprio sistema fotovoltaico, minimizando o uso da rede. Essa eletricidade de geração própria não é tarifada de nenhuma forma. Com isso em mente, é possível dimensionar o sistema e planejar ajustes conforme o perfil de consumo de qualquer casa ou empresa.

FIM PUBLICIDADE

Um equipamento fotovoltaico perfeitamente ajustado para a demanda real do imóvel maximiza o uso simultâneo da geração e evita que excedentes sejam injetados na rede. Uma dica importante é programar serviços e tarefas que consomem mais energia para serem realizados durante o dia, como o uso de bombas de piscinas, aquecedores e eletrodomésticos.

INVESTIMENTO SEGUE VANTAJOSO

As novas regras da Lei 14.300 trouxeram a percepção incorreta de que a energia solar deixará de ser vantajosa no Brasil e que os consumidores serão taxados pela geração fotovoltaica. Esse quadro catastrófico está longe de ser verdadeiro.

A economia mensal com a conta de luz segue muito alta, acima de 90%, e o payback médio do investimento foi pouco impactado, com o retorno do investimento levando apenas alguns meses mais. Além disso, a energia solar protege o consumidor dos aumentos na conta de luz e valoriza o imóvel onde foi instalado.

Fonte: https://www.portalsolar.com.br/noticias/mercado/geracao-distribuida/fator-de-simultaneidade-reduz-impacto-tarifario-da-lei-14-300-na-energia-solar

QUER GERAR SUA PRÓPRIA ENERGIA?

Solicite aqui conosco uma análise do seu consumo, que iremos com maior prazer lhe passar todos os detalhes do benefício e como iniciar de forma simples e prática e redução da sua conta de energia.

SEU KIT GERADOR SOLAR

Primeiramente vamos cadastrar seu contato, preencha os dados abaixo para nossos Epecialistas dimensionar sua Usina Solar sem compromisso com economia de até 95%.
"Sem compromisso, totalmente GRATUITO"

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Área de comentários

Seus comentários são moderados para serem aprovados ou não!
Alguns termos não são aceitos: Palavras de baixo calão, ofensas de qualquer natureza e proselitismo político.

Os comentários e atividades são vistos por MILHÕES DE PESSOAS, então aproveite esta janela de oportunidades e faça sua contribuição de forma construtiva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ASSINE NOSSO INFORMATIVO

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo em seu e-mail, todas as semanas.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

Comunidade Energia Limpa Whatsapp.

Participe da nossa comunidade sustentável de energia limpa. E receba na palma da mão as notícias do mercado solar e também nossas soluções energéticas para economizar na conta de luz. ⚡☀

ASSINE NOSSO INFORMATIVO

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo em seu e-mail, todas as semanas.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

RSS
Facebook
Instagram
YouTube